31.2 C
Tocantins
sexta-feira, abril 12, 2024
- Publicidade -

Polícia Militar prende dois homens suspeitos de envolvimento na morte de mototaxista em Araguaína

Após articularem emboscada que resultou na morte de um mototaxista e furarem bloqueio policial durante a fuga, dois dos três suspeitos de envolvimento em latrocínio são presos em Araguaína.

- Publicidade -spot_img

A Polícia Militar prendeu na noite desta quinta-feira, 30, no Bairro São João e no Setor Coimbra, dois suspeitos pelo crime de latrocínio de um moto taxista em Araguaína.

Os dois indivíduos, de 23 e 24 anos, juntamente com um terceiro envolvido ainda não identificado, teriam atraído a vítima até um local com a intenção de roubarem o dinheiro, ocasião em que houve luta corporal e disparo contra a vítima, causando sua morte. O trio subtraiu cerca de R$ 3.000,00 (três mil reais) e a motocicleta HONDA/CG 125 FAN KS e empreendeu fuga sentido Setor Presidente Lula, onde a motocicleta da vítima foi localizada abandonada.

Durante a realização de bloqueio em uma região de chácaras, um veículo passou em alta velocidade, dando início a acompanhamento que culminou na prisão do primeiro suspeito, um homem de 23 anos, que relatou aos militares ter participação no crime. Com ele foi encontrado o valor de R$ 1.850,00 em espécie. Momentos depois via denúncia ao 190, as guarnições localizaram o segundo suspeito, de 24 anos, que foi rendido por populares e abandonado com lesões corporais. Por conta das lesões, a equipe acionou o SAMU, que encaminhou o suspeito ao Hospital Regional de Araguaína, onde recebeu cuidados médicos e, após liberação, foi apresentado também na Delegacia de Polícia Civil.

Segundo a versão dos suspeitos, um terceiro envolvido, que seria vizinho da vítima e de posse de informações que a vítima possuía quantia em dinheiro considerável em conta bancária, teria articulado o plano de roubo, que levou os três a realizarem uma ligação simulando uma corrida de moto táxi e, após renderem a vítima, tentaram obrigar que o homem de 36 anos realizasse transferências bancárias, porém, diante da negativa, houve luta corporal e o disparo que culminou no óbito do moto taxista.

A arma do crime e alguns pertences da vítima ainda não foram encontrados. Um dos suspeitos possuía mandado de prisão em aberto pelo crime de homicídio. As diligências continuam em busca do terceiro envolvido e dos objetos roubados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Mais lidas
MAIS LIDAS